Casa do projeto ‘Inclusão Literária’ sofre outro incêndio; Papai Noel Pantaneiro pede ajuda



Clovis Mattos, mais conhecido como papai Noel Pantaneiro, idealizador do projeto Inclusão Literária, reviveu momentos de tristeza na manhã da última sexta-feira (21), em Cuiabá. A casa do Projeto Inclusão Literária pegou fogo mais uma vez. E agora o prejuízo maior ficou por conta da estrutura da casa que ficou comprometida. Clovis precisa de ajuda financeira para conseguir recuperar o imóvel.


A casa que fica no bairro Bosque da Saúde é alugada para Clovis para o projeto de Inclusão Literária, projeto esse que do incentivo à leitura e transforma milhares de crianças e adolescentes. O imóvel, que já tinha sofrido com um incêndio em 2015 e perdido praticamente todo o acervo de anos de trabalho, sofreu com um novo incêndio na manha de sexta-feira (21), desta vez, danificando a estrutura da casa. Um vizinho dos fundos da casa foi quem percebeu o incêndio de madrugada e chamou o Corpo de Bombeiros, que apagou o fogo. Pela manhã a casa começou a pegar fogo novamente, precisando de um novo chamado dos bombeiros. Clovis foi avisado do novo incêndio por um vizinho “Eu fui mais tarde, cheguei lá não tinha mais nada, somente muita fumaça” contou. Em dezembro de 2015, o incêndio foi causado por um curto circuito na instalação elétrica, destruiu cerca de sete mil livros pertencentes ao Inclusão Literária. No momento do incêndio a casa estava vazia e por isso não houve vitimas apesar da grande perda para a sociedade. A continuidade do projeto só foi possível com a ajuda dos apoiadores, que se uniram e arrecadaram milhares de livros para que o Inclusão Literária pudesse continuar promovendo o contato gratuito e contínuo da população com a literatura, com revistas, jornais e atividades lúdicas de estímulo intelectual e educativas. No novo incêndio de sexta-feira (21) Clovis conta que a casa ainda não tinha instalação elétrica, e que possivelmente foi alguém que pode ter entrado no lugar e colocado fogo. Ele acredita que alguém possa ter entrado na casa para usar drogas ou para roubar o resto da fiação que ainda tinha, já que a casa estava sozinha. O acervo de livros estava em outro lugar, na casa tinha somente alguns materiais para reciclagem, porém, o imóvel ficou bastante destruído. “Olhando por fora, não se nota diferença do que já estava, mas, por dentro destruiu o resto. Quero aproveitar para fazer, mais uma vez, um agradecimento especial ao Corpo de Bombeiros, que atendeu prontamente, evitando uma tragédia pior.” Contou ao Olhar Direto. Clovis conta que apesar de não gostar de receber ajuda em dinheiro, desta vez, é o jeito mais viável que a pessoas podem ajudar, “Por mais que eu não goste, agora o dinheiro seria mais interessante. Por não ter onde estocar, eu compraria os materiais à medida que fosse necessário, além da mão de obra.” Afirmou ao Olhar Direto. O orçamento para a obra necessario na casa, ficou em cerca de R$60 mil reais. Quem quiser e puder ajudar com qualquer valor, pode estar entrando em contato pelo telefone (65) 98135-1176 e falar diretamente com o Clovis ou através da Vakinha online que foi criada para facilitar as doações clicando aqui



Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Nenhum tag.
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square
CONTATO

Neila Barreto

Jornalista e Historiadora

Telefone:

65-99981-7764

 

Email:

neila.barreto@hotmail.com 

  • Black LinkedIn Icon
  • Black Facebook Icon
  • Black Twitter Icon
  • Black Google+ Icon
  • Black Instagram Icon

© 2023 Luiz Ernesto Barreto Proudly created with Wix.com